• Generations

Empresas familiares mais antigas do mundo: Lanifício Fratelli Piacenza (Itália, 1733)

A tradição de fabricação de lã na família Fratelli remonta a 1600, mas foi em 1733 que Pietro Francesco Piacenza criou o primeiro moinho de lã em Pollone, uma pequena cidade situada no Piemonte, perto da Suíça.

Para incentivar a indústria local e promover o emprego, o conselho de Pollone concedeu o direito de explorar a água da cidade para Pietro Francesco e seu filho. A escritura da concessão foi preservada e é datada de 1750!

Século XIX

A empresa em crescimento foi passada para Carlo Antonio Piacenza. Ele deu um novo impulso e, em 1819, abriu dois novos estabelecimentos. Vários anos depois, seu filho Giovanni foi o primeiro a introduzir na Itália uma nova técnica de confecção de lã decorada com vários temas.

Pouco a pouco, a família Piacenza foi além das fronteiras da Itália e começou a desenvolver seus contatos em todo o mundo. Os gerentes da família também se interessaram pelo progresso técnico, como a invenção do engenheiro francês Pierre-Simon Girard, que acabara de instalar na região a primeira usina hidrelétrica, baseada em um novo tipo de turbina que ele havia inventado.

Século XX

Felice Piacenza desempenhou um papel importante na vida da região. Já em 1900, fundou a União Industrial de Biella, cujo objetivo era regular as relações entre a empresa e o trabalho. Ele se tornou o primeiro presidente da União.

Em 1911, ele construiu uma fábrica ultramoderna em Turim. No ano seguinte, fundou o “Lanificio Scuola Felice Piacenza”, uma instituição especializada no treinamento de pessoal e reconhecida como sendo de interesse público comum. A administração da empresa foi passada para seu filho mais novo, Enzo Piacenza.

Após o fim da Grande Depressão de 1929, ele criou tecidos para a indústria da alta moda que apresentou a grandes estilistas em Paris e Nova York. Seu talento criativo foi imediatamente reconhecido.

Ele também foi pioneiro: durante a Segunda Guerra Mundial, inventou novos tipos de têxteis para substituir os tecidos de lã que se tornaram extremamente difíceis de encontrar. Ele apresentou estes tecidos, elaborados com base em diferentes tipos de pêlos de animais, ao rei Victorio Emmmanuele.

A empresa hoje

Hoje, a firma está nas mãos de Carlo, CEO e membro da décima terceira geração da família Piacenza.

A décima quarta geração já está trabalhando na empresa. A administração da fábrica de lã é confiada a Ettore, que lida com o fornecimento de matérias-primas e a fase de produção, enquanto seu irmão Vasiliy ocupa o cargo de gerente de marca. Felice trabalha na equipe de design da empresa.

No ano passado, a empresa foi selecionada para fazer parte do programa de Elite da Bolsa Italiana e Confindustria, um projeto destinado a empresas de alto potencial, com foco na internacionalização.

O atual presidente explica a longevidade: “fomos capaz de superar crises econômicas, guerras, ocupações e incêndios, alternando com períodos de renascimento e otimismo. Tudo sempre devido a um bom entendimento e convivência com a mudança”.

Site da companhia: https://www.piacenza1733.com

#asmaisantigasdomundo #estudosdecaso

0 visualização

Você pode entrar em contato hoje mesmo através dos canais abaixo:

Brasil: +55 (19) 4042-8976 | Portugal: +351 96 280-2351 | WhatsApp: +351 962 802 351 (Portugal)

E-mail: gustavo@generations.com.brSkype: live:setteg

LinkedIn: Gustavo Sette – www.linkedin.com/in/gustavosette

Sonho Grande Consultoria e Adm Ltda | CNPJ 28.862.164/0001-47

Alameda Berna 313 - Valinhos/SP

© 2019 - Todos os Direitos Reservados | A Logomarca

  • wpplogo
  • LinkedIn ícone social
  • Facebook ícone social
  • Instagram